Logo Sirius - R∴L∴Sirius, Nº006, Or∴ Oeiras

R∴L∴Sirius, Nº006, Or∴ Oeiras

Inicialmente como Respeitável Triângulo Sirius, ergueu colunas a 04 de novembro de 2014 (e.v.), trabalhando durante cerca de 4 anos na sua maturação interna.

Posteriormente, deu origem à Respeitável Loja Sirius, a qual ergueu colunas ao 2º dia do mês de dezembro de 2018 (e.v.), sob o malhete do Venerável Mestre Escorpião e na presença de ilustres dignatários do Rito (1º Patriarca Grande Conservador do Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraïm – Grau 33, Grão Mestre  e Past Grão Mestre da Grande Loja Simbólica de Portugal, Grã Mestre da Grande Loja Simbólica da Lusitânia, Grande Tribunal Maçónico da Grande Loja Simbólica de Portugal e Veneráveis Mestres de outras Lojas).

Os Membros da Respeitável Loja Sirius, buscam nas origens dos rituais maçónicos, a essência da Arte Real, os mistérios que há muito circundam sob as luzes de Sirius.

Extremamente exigente na prática ritualística e na admissão dos seus Obreiros, a Respeitável Loja Sirius prima por preservar a prática esotérica do Rito Antigo e Primitivo de Memphis Misraïm.

Esta Loja trabalha uma egrégora e um espírito de corpo entre os seus Obreiros, de forma a que todos formem um só. O trabalho de equipa faz que todos se entreguem a uma causa comum, e consequentemente melhorem o seu “eu” individual.

Apenas se trabalharmos o nosso “eu” com exigência e disciplina, estaremos preparados para sermos melhores seres humanos no mundo profano para com o nosso semelhante, cultivando a tolerância, abnegação, simplicidade e espírito de justiça.

Sirius era conhecida no antigo Egito como Spodet (do grego: Sothis), constando nos registos astronómicos mais antigos. Durante o Médio Império, os egípcios tomaram como base do seu calendário o nascer helíaco de Sirius, ou seja, o momento em que ela se torna visível pouco antes do nascer do Sol, mas estando suficientemente afastada para que não seja ofuscada pelo brilho deste. Este evento ocorria antes da inundação anual do rio Nilo e do solstício de verão, após estar ausente do céu por setenta dias. O hieróglifo para Sirius (Sothis) é uma estrela e um triângulo.

Sirius era relacionada com a deusa Ísis, enquanto o período de setenta dias se refere à passagem de Ísis e Osíris pelo Tuat, o submundo egípcio. Sirius representa a dualidade, que oculta a trindade, representa também Ísis, que por sua vez está na constelação de Cão maior; Sirius é o Sol do nosso Sol.

A Respeitável Loja Sirius, será a Luz para todos os Irmãos que procurem no compasso, o Ser. Que o Ser seja ele próprio o objetivo de o ser. A Respeitável Loja Sirius trará o fogo necessário para que a obra se realize.

A divisa da Respeitável Loja Sirius é “Virtus Junxit Mors Non Separabit.”

Para questões e contactos, utilize o e-mail disponibilizado. Caso pertença a uma Obediência Maçónica, por favor faça-o através da Grande Secretaria ou da Grande Chancelaria.

Garantimos total sigilo e confidencialidade.